Pam viajando

BEM VINDO À ALCATRAZ!

O passeio pode dividir opiniões, mas para quem assistiu a algum dos filmes sobre Alcatraz pode achar super interessante conhecer o local de verdade. E aí ficou com vontade de conhecer?

Podemos dizer que a ilha de Alcatraz é um dos lugares mais peculiares de São Francisco. Localizada a mais ou menos 2 km da cidade, a ilha que já foi uma das Penitenciárias de Segurança máxima mais famosas do país, hoje é um parque nacional que milhares de turistas visitam o ano todo. O passeio pode dividir opiniões, já que algumas pessoas acham o clima por lá meio pesado por conta de toda sua história. Mas para quem assistiu a algum dos filmes sobre Alcatraz pode achar super interessante conhecer o local de verdade… além da vista da Baía de São Francisco que é linda. E aí ficou com vontade de conhecer? Então nesse post vamos contar um pouco de como é e como você pode fazer esse tour!

O passeio e algumas dicas.

UM POUCO DA HISTÓRIA…

DCIM\104GOPRO

Alcatraz foi usada como base militar de 1850 a 1930. E só em 1934 foi reinaugurada como uma Prisão Federal de segurança máxima. Durante quase três décadas a prisão recebia alguns dos maiores criminosos do país, como Al Capone, Robert Franklin Stroud, Frank Morris entre outros. A prisão foi fechada em 1963, menos de um ano após a primeira fuga, por conta dos altos custos de manutenção.

Diziam que o local era uma fortaleza e ninguém conseguia escapar vivo de lá, pois todos que tentaram foram mortos ou se afogavam nas águas congelantes da baía. No entanto, três fugitivos: Frank Morris e os irmãos John e Clarence Aglin desapareceram de suas celas em 1962. Ainda não se sabe ao certo se morreram afogados, pois não há nenhuma prova. Mas existe uma teoria que um dos irmãos veio para o Brasil anos depois. Será??

COMO VISTAR…

Os passeios para conhecer a ilha são feitos exclusivamente pela empresa Alcatraz Cruises. Normalmente, você pode comprar com meses de antecedência seus ingressos, mas isso não impede que você compre na hora no guichê que fica no Píer 33, de onde sai o ferry que te leva até a ilha. É superfácil de chegar no Píer, já que diversos ônibus e bondes elétricos te deixam bem na frente!

Nós decidimos durante a nossa visita à São Francisco incluir esse passeio na nossa viagem, e demos sorte de encontrar ingressos disponíveis com algumas horas de antecedência antes do nosso passeio. Na realidade, às vezes acho que é bom comprar um pouco mais perto do dia para ver como estará o tempo para assim aproveitar a vista, já que lá é muito comum aquele tempo com neblina e o vento gelado, mesmo no verão.

OPÇÕES DE PASSEIOS…

Existem algumas opções de ingressos, os mais concorridos são os tours de dia e de noite. Há outras opções para conhecer os bastidores e lugares que não são abertos ao público, e o outro inclui um passeio na Angel Island (mais informações aqui) . Dizem que o tour da manhã pode ter muita neblina e o da noite pode render algumas fotos incríveis do pôr do sol e ainda de quebra ver a cidade de São Francisco toda iluminada ao fundo. Nós fomos conhecer na parte da tarde e o tempo estava ótimo, o que ajudou na vista da cidade e da incrível Golden Gate Bridge.

Vale lembrar que é sempre bom chegar com antecedência no Píer 33, pois há sempre muitas filas. Mesmo comprando antecipado você vai precisar retirar seu ingresso no guichê e leve algum documento com foto (apenas necessário para quem fez a reserva dos ingressos) . Enquanto está esperando o ferry, já dá pode ir se ambientando com o local e sua história com a maquete que tem por lá. O translado sai em média a cada meia hora e para chegar até a ilha demora aproximadamente 20 minutos.

ALCATRAZ…

Chegando na ilha, já somos direcionados para o local onde começa a visitação e recebemos algumas explicações básicas sobre o lugar. O tour da noite é feita com um guia que vai acompanhando grupo pelos lugares da prisão. Agora se for visitar durante o dia, a primeira parada é na sala de banho, onde recebemos o fone do AudioTour e dá para escolher seu idioma – são 11 idiomas disponíveis e sim, o Português é uma delas. Isso torna a visita muito mais interessante!!

Esse AudioTour dura em torno de 45 minutos, sendo que dá para pausar quantas vezes quiser, além disso o narrador vai contando toda a história de cada lugar que você entra e vai te direcionando para as cenas mais interessantes. Se por acaso você já assistiu a algum dos filmes, com certeza, muito do que eles falam e do que você vai ver fará sentido e você reconhecerá algumas coisas na hora… Mas não precisa necessariamente assistir antes para fazer o passeio.

Os áudios contam informações sobre a história do presídio, de como era a dinâmica diária dos presos, quem eram os mais perigosos naquela época… Ah, e vai ouvir sobre as tentativas de fugas mais famosas de Alcatraz – uma delas usando uma colher! É bem fácil e intuitivo seguir as orientações do áudio para chegar nos lugares indicados. No tour de dia você conhecerá as celas dos detentos (inclusive a famosa cela da fuga de Frank Morris!!); algumas solitárias (confesso que dão um certo arrepio); entrar dentro do refeitório – e o legal é que ainda mostra qual foi a última refeição do último dia da prisão em funcionamento; conhecer o pátio – único local que os presos tinham contato com a parte externa da prisão e tomavam seu banho de sol); passar pela sala da diretoria e alguns ambientes com um clima mais pesado: como a enfermaria! Você poderá ouvir alguns dos depoimentos de ex-funcionários e prisioneiros que realmente viveram a realidade daquela prisão, deixando a sua experiência mais real!

O passeio termina nas áreas de ar livre, com os belos jardins cultivados naturalmente e é incrível observar a enorme quantidade de gaivotas que vivem por lá. A vista é simplesmente impressionante, mas prepare-se para o vento que é muito forte. Dica: leve um casaco, mesmo no verão! E vá de sapatos confortáveis, pois você anda bastante por lá. Pode levar o tempo que quiser no seu tour, pois o horário fixo é apenas para pegar o ferry na ida. Faça todo o passeio sem pressa, no seu ritmo, visitando todas as áreas da antiga prisão e retorne quando quiser. Só se atente que o último ferry diurno é as 18:30h, e não me pergunte o que acontece se você perder o último translado, me dá calafrios só de pensar… melhor não arriscar!

VALE A PENA?

Como havia dito, nós não tínhamos planejado esse passeio e decidimos quando estávamos lá na cidade. Eu já havia assistido a um dos filmes sobre Alcatraz e o Pedro não. Posso dizer que mesmo quem não assistiu ou não sabe nada da história vai aproveitar muito o passeio, pois o AudioTour é bem completo, cheio de detalhes e explicações! O que eu achei legal de ter assistido antes é que eu conheci o local de verdade e vi os detalhes reais, como os da fuga! Mas de conteúdo nossas experiências foram iguais. A prisão em si eu achei meio pesada, e confesso que ouvir os relatos e visitar a solitária, por exemplo, me deu uma agonia de imaginar como seria passar os dias naquele lugar. A área externa é incrível e vale muito a pena ver toda a natureza e a vista da cidade. O Pedro amou o passeio do começo ao fim, mesmo não conhecendo a história (o que fez com que ele assistisse a vários filmes depois da nossa visita!). Mas posso dizer que sim, é um passeio que recomendamos muito fazer e faríamos de novo se voltássemos para São Francisco!

Que tal umas fotos macabras? Credo.

E aí curtiram saber um pouco mais de Alcatraz? Você gostam de fazer esses passeios mais diferentes quando viajam? Deixem aqui seus comentários… Até mais!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: